Banner 1

 


Na última terça-feira, 20 de abril de 2021, o Baraúnas comemorou 16 anos da grande vitória sobre o Vasco da Gama em pleno São Januário por 3 x 0, em jogo válido pela Copa do Brasil de 2005, na qual o clube terminou como 7ª melhor da competição.

Para aproveitar a data, o abnegado torcedor Paulo César de Oliveira, que participou da gestão do clube em sua época de ouro, de 2001 a 2007, chegando à condição de presidente em 2008, fez uma visita ao Prefeito de Mossoró Allysson Bezerra e pleiteou o apoio do chefe do executivo à luta da atual diretoria do Baraúnas para que a torcida do clube possa ver novamente o leão na primeira divisão do campeonato estadual do RN.

Na oportunidade, o abnegado presenteou o chefe do executivo municipal com a camisa oficial do Baraúnas com o número 22, simbolizando o ano da possível volta do clube e os esforços que devem ser feitos nesse sentido por parte de torcedores, poder público e sociedade mossoroense.

O Paulo César, mesmo sem fazer parte da atual diretoria, agradeceu o esforço da atual gestão em já colocar em funcionamento o estádio “Nogueirão”, que estava interditado há alguns anos, estimulando assim a atuação dos clubes profissionais e amadores da cidade de Mossoró.

O prefeito agradeceu o gesto e assegurou que os primeiros passos já foram dados com a reabertura do estádio, por meio das obras de reparos nas instalações e acessibilidade exigidas pelo corpo de bombeiro para liberar o estádio para realização de jogos. Allysson afirmou ao ex-presidente que irá sim apoiar incentivar o futebol mossoroense para que as duas tradicionais e importantes torcidas possam ver seus clubes em campo em 2022.

Já em tom amistoso e diante da declaração do abnegado ex-presidente de que a torcida do Baraúnas estaria "enciumada" com o prefeito "desfilando" com a camisa do potiguar na reabertura do Nogueirão, o chefe do executivo assegurou que a próxima ida dele ao estádio será com a camisa 22 do Baraúnas para equilibrar as forças.

Em tempo, o Baraúnas chegou ao seu apogeu em 2006, quando conquistou o seu primeiro e único título de campeão estadual de futebol, mas já veio a ter o reconhecimento em nível nacional em sua participação em 2005 na Copa do Brasil. Antes, em 2004, sagrou-se campeão da Copa RN vindo de um licenciamento de dois anos. O título de bi-campeão desta copa veio em 2007. Os três primeiros títulos acima se deram um em decorrência do outro, fruto de um planejamento mínimo e necessário de gestão, e sempre contando com o apoio da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Paulo César considera que a abertura dada pelo prefeito nesse momento será oportuna para que a diretoria do Baraúnas, desde já, busque o Prefeito para algum tipo de apoio oficial para 2022.

Com a palavra, a atual diretoria do Baraúnas.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem