Banner 1

 


A deputada estadual Isolda Dantas (PT) solicitou o envio de doses extras da vacina Coronavac para Mossoró, para evitar que a população fique sem a segunda dose do imunizante. A solicitação foi feita ao Governo do Estado através de um requerimento protocolado na Assembleia Legislativa na terça-feira, 27.

Na sessão legislativa de terça-feira, Isolda externou preocupação com a falta de doses da Coronavac no município. “Mais de 3 mil pessoas estão esperando a segunda dose e no fim de semana o número pode chegar a 5 mil. Não posso deixar que a população se prejudique desta forma por um erro da prefeitura”, disse.

A vacinação com a Coronavac foi suspensa em Mossoró no fim de semana por falta de doses do imunizante para as pessoas que precisavam tomar a segunda dose. A cidade é a segunda do Rio Grande do Norte a ficar sem a Coronavac. Antes, apenas Natal havia ficado desabastecida.

As notas técnicas do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) mostram que as orientações aos municípios desde o fim de março é de reservar a vacina para a segunda aplicação, necessária para a eficácia. “É de responsabilidade dos municípios fazer esse controle. Houve um erro de planejamento por parte da prefeitura”, disse a deputada.

A Prefeitura de Mossoró alega que suspendeu a vacinação para a primeira dose com Coronavac há três semanas e que as ampolas recebidas vieram com menos doses que o previsto.

Após o imunizante acabar no município, a Sesap enviou as doses da reserva técnica para Mossoró, que também acabaram. A reserva técnica corresponde a 5% das remessas enviadas pelo Ministério da Saúde e existe para a reposição em casos de quebra de frascos, perdas de doses e outros.

A deputada Isolda Dantas ressaltou ainda que conversou com a governadora Fátima Bezerra na manhã desta terça para externar a preocupação com a falta de vacinas. “A governadora está lutando desde ontem para obter doses extras da vacina, e eu me somo a essa luta. Estamos todos preocupados com a população porque sabemos que só a vacina vai vencer a pandemia”, contou.




Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem