Banner 1

 


A situação do Brasil diante do avanço da pandemia do novo coronavírus foi tema de uma reportagem publicada nessa 3ª feira (27.abr.2021) na prestigiada revista científica Nature, da Inglaterra.

A publicação explora a relação do governo comandado pelo presidente Jair Bolsonaro com os cientistas brasileiros e diz que o mandatário provocou uma “crise épica de saúde pública”.

Clique AQUI para ler a íntegra da matéria (em inglês)

“Bolsonaro, uma figura polarizadora que foi comparada ao ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump, vem contradizendo a opinião científica desde o início da pandemia”, afirma a revista.

A reportagem diz que o chefe do Executivo no Brasil minimizou a pandemia e cita declaração feita pelo presidente sobre a vacina da Pfizer, quando relacionou o uso do imunizante a efeitos colaterais graves, como se transformar em um jacaré: “Se você virar um jacaré, é problema seu.”, disse em 17.dez.2020.

No título, a revista expõe o trecho de uma declaração do virologista Mauricio Nogueira, da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, que disse que os cientistas estão sendo ignorados.

“Temos as ferramentas ou pelo menos a capacidade de ajudar o país, mas estamos sendo ignorados e não apoiados pelos líderes do país”, afirmou Nogueira.

Além do virologista, a publicação entrevistou Jesem Orellana, pesquisador da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) na Amazônia, e a bióloga Natália Pasternak, do Instituto Questão de Ciência.

Poder 360



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem