Banner 1

 


O crime aconteceu na tarde de sexta-feira, 19 de março de 2021, na Travessa Petrônio Portela, ao lado do "Beco da Morte" na Favela do Fio, região do Abolição IV em Mossoró.

Railson Morais de Oliveira,  de 26 anos, residente em Natal, foi morto com dois tiros. Um acertou sua perna e o outro as nádegas e, segundo o médico do Samu Dr. Dickson Fradick, o projétil possivelmente subiu e atingiu um órgão de alta letalidade ocasionando morte instantânea. 

Segundo a Polícia, Railson era foragido da justiça devido o mesmo ter rompido a tornozeleira eletrônica.  Ele cumpria pena na antiga Penitenciária João Chaves em Natal, recebeu o direito de ficar em liberdade monitorado por tornozeleira eletrônica,  mas rompeu o equipamento.

Populares informaram a Polícia que a vítima havia chegado na Favela do Fio há  poucos dias. Railson foi perseguido pelos atiradores e tentando escapar da morte saiu correndo pelo telhado de residências, mas acabou sendo baleado e caiu sem vida dentro de um casa. 

A Polícia Militar isolou o local do crime. A equipe do ITEP realizou os procedimentos de pericia e recolheu o corpo da vítima para ser examinado no IML do órgão pericial. O Delegado de Plantão Teixeira Junior acompanhou o trabalho da equipe do Itep.  Já são 31 assassinatos 3m Mossoró neste ano de 2021.

Fim da Linha


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem