Banner 1

 

O brasileiro ainda está se acostumando com o PIX, novo meio de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central. Até que alguém muito criativo percebeu que o espaço para os 100 caracteres podia ser usado para algo além da descrição de um pagamento.

“Nunca que a gente vai imaginar que poderia receber uma cantada por meio de uma transferência bancária”, conta Vanessa, que recebeu um PIX de R$ 100 de um paquera com a seguinte mensagem: “Esse valor é a porcentagem da probabilidade da gente se ver hoje”.

Para mandar um PIX, você pode usar a chave-PIX da pessoa: pode ser o CPF, o e-mail, o telefone ou um número aleatório. Mas será que tem algum risco? Assista ao vídeo abaixo:


O Globo



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem