Banner 1

 


A explosão causada por um botijão de gás às 3h10 de domingo, 7, derrubou 5 casas, deixando 4 mulheres mortas e vários feridos no bairro Mãe Luíza, zona leste de Natal-RN.

O Corpo de Bombeiros, o ITEP, Defesa Civil, Polícia Civil e Militar foram acionadas ao local no início da manhã. A explosão atingiu também a estrutura das casas vizinhas.

As vítimas são:

  • Maria Teresa Cristina da Silva, de 49 anos
  • Taís Silva de Oliveira, de 18 anos
  • Maria das Graças Idelfonso, de 57 anos
  • Maria Luiza Belarmino, de 44 anos

A suspeita inicial é que a explosão tenha ocorrido na casa de Maria das Graças, que costuma preparar comidas durante a madrugada para vender na praia, em especial nos finais de semana.

Um casal de idosos que residia próximo, foram levados com ferimentos leves para o um posto de saúde próximo. Em outra casa, um casal (60 e 51 anos) foi resgatado com vida.

Foram socorridas para o Hospital Walfredo Gurgel, por uma ambulância do Samu. O casal morava na casa ao lado da que possivelmente o botijão de gás explodiu e ficaram sob os escombros.

O que ocasionou a tragédia será investigado pela Polícia Civil, com apoio técnico do Corpo de Bombeiros e ITEP. A Defesa Civil isolou as casas atingidas pela explosão.

Em Nota, o Governo do Estado se solidarizou com as vítimas.

O Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED), vem a público se solidarizar com as famílias das vítimas de um acidente ocorrido na madrugada deste domingo (7) no bairro de Mãe Luíza, Zona Leste de Natal. Também vem externar à sociedade que todos os esforços estão sendo feitos para minimizar o sofrimento das pessoas afetadas.

Logo após o desmoronamento da residência, provavelmente causado pela explosão de um botijão de gás, equipes da Polícia Militar, Defesa Civil e Corpo de Bombeiros foram acionados ao local e, de imediato, deram início aos procedimentos cabíveis.

No local também compareceram o delegado de plantão da Polícia Civil e equipe, e mais peritos do Instituto Técnico-científico de Perícia, estes últimos responsáveis pela retirada de quatro corpos do local – todas vítimas do sexo feminimo.

Ainda em meio aos escombros foi feito um socorro médico de uma mulher e de um homem, que foram resgatados com vida.

Os imóveis vizinhos ao local do desmoronamento foram isolados, enquanto a perícia técnica avalia os dados e eventuais riscos aos moradores da região.

Por fim, é importante ressaltar que toda a estrutura de segurança pública está sendo utilizada e permanece à disposição da comunidade para qualquer outra necessidade.



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem