Banner 1

 


O YouTube suspendeu o canal do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. A plataforma informou na 3ª feira (12.jan.2021) que o republicano está impedido de publicar vídeos por pelo menos 7 dias. Além disso, os comentários do canal foram desativados indefinidamente.

Os vídeos postados antes da suspensão continuam ativos. O canal tem atualmente 2,7 milhões de subscritores.

Diversas empresas de mídias sociais decidiram banir perfis ou restringir publicações de Trump depois das declarações do republicano impulsionarem a invasão ao Capitólio em 6 de janeiro. Entre elas, Twitter, Facebook, Instagram e Snapchat.

Antes da invasão, o republicano fez postagens no Twitter e outras redes sociais em que defendia a manifestação realizada em Washington. Depois, pediu que o grupo respeitasse a lei durante o ato.

“Depois de revisões e à luz das preocupações sobre o contínuo potencial para violência, removemos o novo conteúdo enviado ao canal de Donald J. Trump por violar nossas políticas”, disse o Youtube por meio de seu perfil no Twitter. “Ele tem seu 1º aviso e está temporariamente impedido de enviar novo conteúdo por um mínimo de 7 dias.”

Segundo a plataforma, os comentários foram desativados por causa das “preocupações contínuas sobre a violência”. O YouTube explicou que a mesma ação foi aplicada anteriormente a outros canais “em que há questões de segurança encontradas na seção de comentários”.

O YouTube já tinha removido um vídeo publicado por Trump no qual o republicano elogia extremistas e diz, sem provas, haver fraude nos resultados da eleição dos EUA.

Na última 6ª feira (1.jan), a plataforma anunciou que iria aplicar uma regra que permite remover qualquer canal, incluindo o do presidente norte-americano, que propagar desinformação. A nova norma entraria em vigor somente após a posse de Joe Biden, em 20 de janeiro. Segundo a plataforma, a nova política passará a valer antes do previsto devido à invasão ao Capitólio “e dado que os resultados eleitorais já foram certificados”.

Poder 360




Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem