Banner 1

 


O Twitter atualizou nesta quarta (16) sua política de combate a informações falsas sobre a Covid-19 e as vacinas contra a doença. Em uma postagem no blog oficial da empresa, a plataforma afirmou que irá remover postagens com conteúdo enganoso sobre a vacinação a partir da próxima semana. Nas semanas seguintes, ocorrerá um esforço maior para inserir avisos marcando tweets sobre vacinas como potencialmente incorretos.

“Continuamos focados em ajudar as pessoas a encontrarem informações confiáveis de saúde, verificar especialistas em saúde pública e atualizar nossas políticas de maneira transparente”, diz o post da plataforma.

Já está incluída atualmente na política da empresa a remoção de conteúdos com dados falsos sobre a natureza do coronavírus, transmissões, eficácia de medidas de segurança, tratamentos, diretrizes oficiais de controle da doença e o risco de infecção e morte ligado à Covid-19.

Agora, com as novas regras, também serão retiradas as postagens que afirmarem que vacinas causam dano ou são usadas pra controle populacional, alegações falsas sobre efeitos colaterais das vacinas e tweets que digam que a Covid-19 não é real ou um problema sério e que, portanto, não requer vacinação.

A partir de 2021, a rede social planeja incluir um aviso em tweets que espalhem boatos, informações não verificadas ou incompletas a respeito das vacinas. A checagem das informações deve combinar inteligência artificial e análise humana.

UOL


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem