Banner 1

 


O golpe funciona da seguinte forma. Primeiro a vítima recebe solicitação de amizade em redes sociais de uma pessoa desconhecida, de aparência jovem, bonita e atraente e ao aceitar tal solicitação o/a golpista passa falar com a vítima por meio de bate-papo, pedindo o número de celular e informações pessoais relevantes. Após ganhar a confiança, o/a golpista envia fotos nuas e pede que vítima envie também. 

Na semana seguinte a vítima recebe ligação de uma outra pessoa se fazendo passar por Delegado, Advogado, Policial ou parente daquela pessoa que havia iniciado a conversa, dizendo que ela/ele é menor de idade. O falso profissional ou parente solicita então dinheiro (depósito bancário) para não realizar registro de ocorrências. Os golpistas ameaçam denunciar a situação às autoridades e expor a vítima publicamente, divulgado as fotos que ela também enviou. Geralmente são homens/ mulheres entre 30 e 40 anos, muitos deles casados.

“Sob pressão, a pessoa toma decisão de fazer o depósito. Naquele ponto, ele não raciocina. A chantagem é feita com bastante ênfase e os golpistas dizem que o valor tem que ser depositado com rapidez”. Os Cuidados para evitar que mais pessoas caiam no golpe são:

Não trocar ou compartilhar fotos íntimas pela internet.

Desconfiar de solicitações de amizade de pessoas desconhecidas.

Pedofilia é crime. Caso tenha sido vítima, não apague o conteúdo, pois ele é prova da extorsão, e procure ajuda especializada ou uma delegacia mais próxima.




Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem