Banner 1

 

Geane Nogueira foi brutalmente assassinada e queimada em 2018


Nesta quarta-feira (25) o Tribunal do Júri Popular de Mossoró vai julgar a culpa de Fábio David da Silva Aquino, de 20 anos, Maria Luisa de Moura Diogenes, de 29 anos, Leticia Vital Ramos, de 21 anos, e Danilo Souza de Lucena, de 22 anos.

Os quatro, junto com vários outros, são acusado por matarem a menina Geane de Melo Nogueira, na época com 12 anos. O crime aconteceu em 4 de novembro de 2018, na Rua Pupunha, bairro Dom Jaime Câmara, e foi por vingança.

A menina foi raptada de casa, torturada, morta e teve o corpo queimado. A vítima foi encontrada dois dias depois do crime, em um matagal da Favela do Velho. Motivo: Geane é irmã de Giovane e Jefferson, assassinos do menino Calleb. 

Leia também

Corpo encontrado nas Malvinas pode ser de menina de 12 anos raptada no domingo

O júri será presidido pelo Juiz de Direito Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros. O Ministério Público do Rio Grande do Norte será representado pelo Promotor Público Ítalo Moreira Martins.

Já o réu Danilo Souza de Lucena será defendido pelo advogado José Galdino da Costa. Os demais serão defendidos pela Defensoria Pública do Estado. Os trabalhos começam de 8 horas.

Mossoró Hoje



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem