BANNER 1

 


A Prefeitura de Mossoró, por meio da Secretaria de Saúde, iniciou nesta segunda-feira (05) e segue até o dia 30 de outubro com as Campanhas Nacionais de Vacinação contra Poliomielite e Multivacinação nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). A campanha da pólio é voltada para todas as crianças de até 5 anos. Já a multivacinação é para crianças e adolescentes de 0 a 15 anos que não estão com o cartão de vacinas atualizados. O dia D de mobilização das campanhas vai ocorrer no dia 17 de outubro.

As crianças menores de 1 ano para poliomielite deverão ser vacinadas seletivamente com a Vacina Inativada de Poliomielite (VIP), caso não tenha sido imunizada ainda. As de 1 ano a menores de 5 anos devem receber a Vacina Oral de Poliomielite (VOP), desde que já tenham recebido as três doses da VIP. Para atualização da multivacinação estão sendo disponibilizadas as vacinas do calendário básico de vacinação, como a BCG, Hepatite B, Penta, VIP, VOP, Rotavírus, Sarampo, Pneumocócica, Meningocócica (A, C, W, Y), Febre Amarela, Tríplice Viral, Tetra Viral ou Varicela, DTP, Hepatite A, dT, dTpa e HPV.

De acordo com a previsão do Ministério da Saúde, via Regional de Saúde, a expectativa é que 16.859 crianças devem ser imunizadas na cidade contra a poliomielite. A Secretaria de Saúde não recebeu o quantitativo de pessoas a serem vacinadas na Campanha de Multivacinação.

Família em Foco com testagem covid-19 acontece nesta sexta-feira (09) na UBS José Fernandes

O exitoso projeto Família em Foco com testagem covid-19 da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Mossoró ocorre nesta sexta-feira (09) na Unidade Básica de Saúde Dr. José Fernandes de Melo, localizada no bairro Lagoa do Mato. Das 8h às 12h os moradores vão poder contar com mais um momento de assistência médica com testes covid durante a pandemia do novo coronavírus gratuitamente.

Os serviços ofertados pelo Família em Foco são testes do novo coronavírus para os grupos prioritários com alguma comprovação (gestantes, idosos e pessoas com comorbidades); sorologia para Dengue, Zika e Chikungunya; atualização do cartão de vacinas; testes rápidos de sífilis, HIV, hepatite b e c; orientações domiciliares de combate às arboviroses (Dengue, Zika e Chikungunya) e outras ações de promoção à saúde. Para ser atendido, o usuário precisa apresentar documento pessoal com foto e cartão SUS.  No caso de comorbidade para teste covid deve apresentar alguma declaração médica, receita ou prescrição que ateste a comorbidade.

Todas as ações do projeto vão contar com a participação de diversos profissionais da Secretaria de Saúde, Secretaria de Educação, Secretaria de Desenvolvimento Social e Juventude, Secretaria de Trânsito, universidades, Defesa Civil Municipal, Cruz Vermelha, profissionais liberais e voluntários parceiros do projeto. A pasta da Saúde já definiu todo um cronograma de edições do Família em Foco até o fim deste ano.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem