BANNER 1


O crime aconteceu na tarde de terça-feira, 22 de setembro de 2020, no Loteamento Ouro Negro, na região do Alto Sumaré, em Mossoró RN.

A vítima, segundo a PM, é o ex-presidiário Jean Hernandes da Silva, vulgo "Pateta". Ele foi morto com vários tiros de pistola dentro da serraria onde trabalhava. 

Testemunhas relataram para a DHPP que três homens chegaram a pé, entraram no prédio, mandaram que as pessoas se deitassem no chão e começaram a atirar na vítima, que morreu na hora.

A perícia criminal identificou 14 perfurações no corpo do ex-presidiário e recolheu 11 cápsulas de pistola calibre 380 que ficaram espalhadas pelo chão.  De acordo com a polícia esse foi o segundo atentado a bala sofrido por Jean Hernandes. Ele chegou a ser baleado no ano de 2017.

Ainda não  há  informações sobre a motivação do crime e a Polícia desconhece a identidade dos autores deste assassinato. Mossoró  já  contabiliza 131 homicídios no ano.

Fim da Linha


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem