Banner 1


Os números da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), divulgados na quarta-feira (20), apontam que o Rio Grande do Norte tem 170 mortes por Covid-19 (10 óbitos a mais do que na terça-feira), 3.796 casos confirmados da doença, além de 11.815 casos suspeitos e 8.474 descartados. Os pacientes recuperados somam 992. Há 50 mortes em investigação.
Durante a coletiva de imprensa desta quarta, o secretário-adjunto da pasta, Petrônio Spinelli, alertou mais uma vez sobre o baixo índice de isolamento social no estado, que ficou em 41% nesta terça. "Sem isolamento, todos os esforços serão em vão", disse.

O alerta se faz necessário porque, apesar do aumento na disponibilidade de leitos, a lista de solicitações por internação continua aumentando. A situação é a seguinte:


  • Há 11 pacientes classificados como prioridade "1", a mais grave, aguardando internações em hosptais designados a tratar a doença no estado;
  • Na prioridade "2" são 9 paciente à espera de internação;
  • O número de pacientes que aguardam internação classificados como prioridade "3" soma "53".

De acordo com a Sesap, há 393 internações em leitos públicos e privados no RN em decorrência da Covid-19 (entre casos suspeitos e confirmados).

Leitos

O secretário-adjunto da Sesap, Petrônio Spinelli, informou que o Rio Grande do Norte está recebendo 14 respiradores, comprados pela pasta com financiamento do Banco Mundial. Ele explicou ainda que, além de ajudar a abrir o Hospital de Campanha, o Governo do Estado deve abrir novos leitos na rede de saúde pública do RN a "curtíssimo prazo".

Em Natal, a abertura deve acontecer ainda nesta quarta no Hospital da Polícia (20 novos leitos) e a previsão é fechar parcerias nas próximas 48h para novas instalações no Hospital Municipal. A Liga Contra o Câncer tem avançado com a montagem de leitos para atender pacientes infectados e deve ter 29 novas estruturas até a próxima sexta-feira (22).

Ainda estão previstos, após isto, mais 10 leitos para o hospital. Também há negociações para a instalação de 20 leitos no Hospital João Machado.

Na região Metropolitana de Natal, as negociações avançam, segundo o secretário-adjunto, no sentido de disponibilizar 10 novos leitos no Hospital de Macaíba. Na região Oeste, 15 novas estruturas devem ser instaladas, sendo 5 no Hospital Tarcísio Maia e 10 no Hospital São Luís, ambos em Mossoró, até a proxima segunda-feira (25).

Para Petrônio Spinelli, o aumento no número de leitos disponíveis não deve servir como motivo de relaxamento, porque esses locais já estão reservados a vagas referencias (àquelas que aguardam internação).

Atualmente, a taxa de ocupação nos leitos do RN para tratamento de Covid-19 está distribuída da seguinte forma:


  • Região Oeste: 97% dos leitos estão ocupados;
  • Região Metropolitana de Natal: registro de 88% de ocupação
  • Região Seridó: 72% dos leitos ocupados
  • Pau dos Ferros: ocupação de 75%

Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem