BANNER 1



Um trabalho conjunto dos Policiais Penais que atuam no Grupo de Escolta Penal (GEP), no Centro de Monitoramento (CEME) e  na Penitenciária Mário Negócio (CPEAMN) resultou na captura de uma apenado que estava em liberdade concedida pela justiça e que era monitorado por tornozeleira eletrônica.

Raimundo Dantas Júnior, de 49 anos, foi recolhido de volta ao presídio, na quinta feira, 26 de março após ser reconhecido por imagens de câmeras de monitoramento, quando invadia um estabelecimento comercial, durante a noite para roubar.

Os Policiais Penais tiveram acesso a um vídeo onde mostra o apenado entrando em um estabelecimento comercial ao qual um homem teria praticado um arrombamento noturno. De posse do vídeo os Policiais Penais conseguiram identificar e confirmar na Central de monitoramento que tratava-se de Raimundo Dantas, morador do Conjunto Vingt Rosado em Mossoró.

Após a central de Monitoramento do Sistema Penal comunicar a Juíza da Vara de Execuções Penais dando ciência de alguns descumprimentos de regras bem como do fato delituoso, foi expedido um mandado de prisão com regressão provisória para o referido interno.

De posse do mandado, os policiais penais realizaram a prisão do mesmo em sua residência e o conduziram para o Complexo Penal Mário Negócio, onde cumprirá o restante de suas penas conforme impostas pela justiça.

Por constatar deslocamentos do referido apenado no período noturno, Raimundo é suspeito da prática de outros arrombamentos na mesma região. Os Policiais Penais orientam a possíveis vítimas, que procurem a Delegacia de Furtos e Roubos  para prestar queixa, dando ciência do ocorrido para procedimentos cabíveis.

Raimundo Dantas Júnior, tem condenação de 16 anos de prisão por crime de roubo (artigo 157), mas estava em liberdade monitorado por Tornozeleira Eletrônica. Com o seu recolhimento ao sistema penal, o mesmo deverá cumprir a pena em regime fechado. Os Policiais Penais da SEAP RN reiteram seu compromisso com a sociedade na busca de uma melhor prestação de serviços e paz social.

Fim da Linha


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem